Como saber qual a quantidade que deve dar de comida caseira ao seu cão

15-06-2021
Photo by Katie Harp on Unsplash
Photo by Katie Harp on Unsplash

Quero começar a preparar uma alimentação natural para o meu cão, mas como sei quanto de comida devo dar por dia.  

Não se preocupe não é tão difícil quanto parece, vamos explicar como fazer o cálculo básico para um cão saudável!

Quando calculamos a quantidade de comida, devemos nos basear no peso ideal do pet e não no peso atual, pois, muitas vezes sem nos darmos conta, ele pode estar um pouco abaixo ou acima do peso que deveria, e ter um peso ideal é muito importante para a qualidade de vida deles.

Como saber o peso ideal do meu pet?
1. Raça: Cada raça tem um peso médio ideal e essa informação é facilmente encontrada em sites de pesquisas e blogs. Abaixo disponibilizamos uma tabela com algumas raças e seus respectivos pesos para machos e fêmeas. 

2. Classificação da Condição Corporal: É uma classificação criada para nos auxiliar no controle e na gestão do peso dos pets, onde conseguimos ver se ele está com o peso adequado, abaixo ou acima . O ideal é o score 5 onde, as costelas são facilmente palpáveis e cintura facilmente notável quando visto de cima.

Basicamente um cão abaixo do peso indica que não está ingerindo a quantidade necessária que seu corpo precisa para manter o organismo funcionando adequadamente. Já um cão que possui um peso acima que o ideal indica que ele esta recebendo muito mais do que precisa, isso faz com que o corpo armazene essas calorias extras no tecido adiposo levando a um cão com sobrepeso e/ou obeso causando e predispondo a problemas secundários perigosos para sua saúde e qualidade de vida como doenças cardíacas, problemas ósseos e articulares e diabetes.

Se você perceber que seu cão está fora da condição corporal ideal, é recomendada uma consulta veterinária para tratamento nutricional tanto para o ganho de peso quanto para a perda.

Calculando da Quantidade

A diversos modos de calcular a quantidade de comida que seu cachorro precisa. Nós recomendamos em base ao porte e peso, a seguinte forma:

Porte Peso Quantidade
Miniatura até 5Kg 5 - 6% do peso ideal
Pequeno 5 - 10Kg 4 - 5% do peso ideal
Médio 10 - 22Kg 3,5 - 4,5 % do peso ideal
Grande 22 - 40Kg 3,5 - 4% do peso ideal
Gigante acima de 40Kg 3 - 4% do peso ideal

Fórmula: Peso Ideal x Porcentagem = Quantidade Diária

Exemplo: 
Pug, Fêmea castrada de 6Kg (Peso ideal 5-8Kg)

6Kg x 5% = 30 
Adicione um zero no final do resultado
Portanto a quantidade diária que deve-se ser fornecida é de: 300 gramas 


Você pode notar que cães pequenos precisam de uma quantidade maior de comida, isso por que seu metabolismo é muito mais rápido que de cães de porte grande e gigante precisando de mais energia (calorias).

Mas vale lembrar que cada caso é um caso, não é por que um cão tem 5Kg que vou necessariamente calcular 5% do seu peso ideal. Cada cão é um cão e cada metabolismo é um metabolismo diferente! Existem outros fatores que influenciam na quantidade que devemos fornecer ao nosso pet. 

Algumas delas são:

  • Fase de Vida: filhote, adulto ou idoso;
  • Status Reprodutivo: castrado, inteiro, gestante ou lactante;
  • Grau de Atividade Física: cão ativo ou sedentário;
  • Raça: algumas raças como buldogue, labrador e beagle possuem predisposição à obesidade, por isso é indicado oferecer uma quantidade menor (aproximadamente menos 0,5%).

Conheça seu pet e seu estilo de vida, cada metabolismo é único. Quando iniciamos uma alimentação natural, fazemos o cálculo básico, o importante é ter um controle do seu peso no mínimo uma vez ao mês. Isso para termos certeza que aquela quantidade está sendo suficiente para manter o peso do nosso pet, uma vez que já esteja no peso ideal.

Essa é a dica mais importante de como saber se a quantidade que esta sendo oferecida é suficiente. Se ele perder peso aumente um pouco a quantidade, se ele estiver ganhando diminua. Por exemplo, se você fez o cálculo de 4% do peso ideal e ele esta perdendo peso, passe a dar 4,5%. Meio por cento parece pouco, mas você verá que tem uma grande diferença.

Quais as Raças que vão receber uma quantidade maior?

  • Adultos Jovens; 
  • Cães não Castrados (inteiros);
  • Raças Musculosas;
  • Cães ativos.

Quais as Raças que vão receber uma quantidade maior?

  • Idosos;
  • Castrados;
  • Raças com tendência a obesidade (como pug, labrador e buldogue);
  • Cães menos ativos ou sedentários.
Raça Peso Macho (KG) Peso Fêmea (KG)
Basset Hound 23 a 29/td> 20 a 27
Beagle 10 a 11 9 a 10
Boder Collie 14 a 20 12 a 19
Boxer 27 a 32 25 a 29
Bulldog Francês 8 a 13 9 a 14
Buldogue Inglês 23 a 25 18 a 23
Cocker Spaniel 12 a 16 11 a 15
Chiuhauha 1,5 a 3 1,5 a 3
Dálmata 15 a 32 16 a 24
Dogue Alemão 54 a 90 45 a 59
Fox Paulistinha 6 a 10 6 a 10
Golden Retriever 30 a 34 25 a 33
Husky Siberiano 24 a 29 19 a 26
Labrador Retriver 28 a 36 26 a 33
Lhasa Apso 7 5 a 8
Lulu da Pomerânia 2 a 3 2 a 3
Maltês 2 a 5 2 a 5
Pastor Alemão 35 a 40 29 a 35
Pincher 2 a 4 2 a 4
Poodle 3 a 8 3 a 7
Pug 5 a 8 5 a 8
Rottweiler 45 a 56 35 a 42
São Bernado 70 a 80 60 a 70
Schnauzer Mini 5 a 8 5 a 9
Shi Tzu 4 a 8 4 a 8
Weimaraner 24 a 30 20 a 24
Yorkshire Terrier 3 a 5 3 a 5

Se você ainda tem dúvidas ou gostaria de obter mais informações sobre esse tópico pergunte ao seu veterinário especialista em nutrição natural de confiança ou entre em contato com a gente via e-mail e agende uma consulta!